Inicial > JORNAL DEROLÉ > Está vivo em algum lugar (Sarau de quarta)

Está vivo em algum lugar (Sarau de quarta)

Foto de Franz Mendes

Por Wender Carbonari

Talvez tivessem 50, 40 ou 70 pessoas na Praça Antônio João no começo da última quarta-feira em que aconteceu o sarau de arte. Pouco importa. Acho que ninguém esperava uma multidão naquela noite. Alguns jovens de Dourados mostraram nos últimos meses que o espírito da resistência e do repúdio à comodidade e alienação está vivo em algum lugar. Seja por um “movimento pela vida da figueira”, indignação contra o aumento do preço do ônibus, ou ainda, reivindicar o direito de utilizar a praça pública para praticar e espalhar a arte.

Foto de Franz Mendes

Sei que não fez diferença na vida dos que passaram de carro e pensou, “meu Deus, uma da matina e tem uma roda de moleques rindo de um palhaço muito louco”. Mas garanto significou algo para todos que participaram.

O mesmo guarda municipal que abordou os integrantes do grupo de teatro Theastai estava de plantão na Praça. Ficou observando de longe, parecia pensativo, prestava atenção em tudo que estava acontecendo. Quem sabe estava procurando defeitos, esperando uma brecha para acabar com a “bagunça”. Ou quem sabe ele, de tanto observar, aprendeu alguma coisa e percebeu que aquelas pessoas na praça não são marginais e sim aqueles que ele deve proteger.

As palavras de João Rocha foram precisas para explicar o motivo da reunião. Em seguida abriu espaço para que qualquer

Foto de Franz Mendes

pessoa deixasse sua mensagem. A apresentação do palhaço arrancou risos e o pequeno trecho da peça ‘Querô’ de Plinio Marcos, arrancou aplausos da pequena, porém, sincera platéia. Acendemos velas para enterrar a censura. Não tinha caixa amplificada. O Alfredo exibiu com orgulho seu violão roxo e estava legal o som. Mas não conhecia nenhuma música, só “marcha soldado”, claro.

É, foi um exercício simbólico de cidadania. 

Não faço teatro para o povo, mas faço teatro em favor do povo. Faço teatro para incomodar os que estão sossegados. Só para isso faço teatro. (Plínio Marcos)

Foto de Franz Mendes

Franz Mendes

Anúncios
Categorias:JORNAL DEROLÉ Tags:, , ,
  1. Alice Fernandes
    novembro 3, 2011 às 8:30 pm

    Isso é demais! arte VIVA!

  2. novembro 3, 2011 às 11:30 pm

    Verdade , tudo que aconteceu na aquela noite de quarta foi inesquecível. Gostaria de agradecer o BLOg DE ROLE pelo apoio que esta dando para os artista . OBRIGADO

  3. joao manoel ferreira siena
    novembro 11, 2011 às 5:03 am

    muito bom mesmo

  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: